RUA 47 LOTE 111 - 71691008

  • VENDAS: (61)98404-3032 98179-0546 / 99818-7066
  • idiomas

Notícias

25/04/2014
Após "boom", mercado imobiliário do DF entra em processo de estabilização
Após "boom", mercado imobiliário do DF entra em processo de estabilização
 
Embora os valores do aluguel e da venda sejam altos quando comparados com o restante do país, eles começaram a recuar. De janeiro a novembro de 2013, a valorização foi de 3,95%, abaixo da inflação prevista de 6% para igual período

Gizella Rodrigues

Publicação: 09/01/2014 06:07 Atualização: 08/01/2014 23:33


 (Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)  


Brasília é uma cidade conhecida pelos altos preços dos imóveis, que facilmente ultrapassam o valor de R$ 1 milhão nos bairros mais nobres, localizados perto do Plano Piloto ou nele. O metro quadrado na capital federal vale ouro, ou exatamente R$ 11 mil e R$ 10 mil nas duas regiões mais caras do Distrito Federal: Asa Sul e Sudoeste, respectivamente. A boa notícia é que, depois de uma alta assustadora nos preços entre 2010 e 2011, o mercado imobiliário brasiliense entra no segundo ano consecutivo com tendência de estabilização de preços, tanto para comercialização quanto para locação.

Leia mais notícias em Cidades

Entre 2012 e 2013, o mercado imobiliário encerrou com alta de apenas 2,25% nas vendas e de 0,7% na locação. O balanço do ano passado deverá ser concluído em março, mas o acumulado entre janeiro e novembro mostra valorização de 3,95% dos imóveis para venda no DF, percentual inferior à inflação prevista para o período, projetada em 6%. Em relação a casas e apartamentos para aluguel, a variação acumulada em 11 meses de 2013 é negativa (-2,47%), mas o mercado dá sinais de recuperação desde outubro, e os especialistas esperam que a tendência de valorização se mantenha nos primeiros meses de 2014.

“Houve uma queda acentuada do valor do aluguel até setembro, os índices fecharam negativo a cada mês. Mas os percentuais foram positivos em outubro e novembro, e esperamos que essa tendência se mantenha”, diz o presidente do Sindicato da Habitação do DF (Secovi), Carlos Hiram Bentes David. Segundo ele, a venda de imóveis se comportou da mesma forma em 2013: caiu até junho e voltou a crescer de julho a novembro.


 
 
Fonte: Correio Braziliense
Outras Notícias
24
04
Nossa Missão sobre o Mercado Imobiliário e Corretores
[+] saiba mais
10
01
PREÇO DA LUZ MAIS CARO NESTE ANO
[+] saiba mais
07
12
REGULARIZAÇÃO DE SÃO SEBASTIÃO
[+] saiba mais
05
01
Metro quadrado no DF segue como o mais caro do País
[+] saiba mais
05
01
À MARCIO IMÓVEIS te da dicas para facilitar a aquisição e não cair em enrascada.
[+] saiba mais
11
01
FGTS cria linha de financiamento para compra de material de construção
[+] saiba mais
04
06
Jardins Mangueiral recebe novos moradores
[+] saiba mais
06
06
Caixa amplia prazo de financiamento de imóveis para 35 anos e corta juros
[+] saiba mais
06
06
Com cortes em financiamento de imóveis, Dilma quer reativar a economia
[+] saiba mais
21
06
Sedhab e Codhab divulgam relação de candidatos ao programa habitacional
[+] saiba mais
 
Voltar

Precisa de mais informações?

Nossa equipe está à sua disposição!

entre em contato